Sei sulla pagina 1di 4

Fonte de tensão (12V/500mA e -12V/500mA)

Resumo: Este projeto tem um objetivo de criar uma fonte de tensão, com duas saídas, 12V/500mA e -12V/500mA, usando dois reguladores de tensão (7812 e 7912), com um retificação em meia-onda e leds para indicar que a fonte está ligada.

I.

INTRODUÇÃO

Equipamentos de correntes contínuas são diferenciados no ponto de vista técnico pelo fato de necessitarem de uma forma de onda de tensão e corrente diferente de que é distribuída por concessionárias de energias, a forma alternada, geralmente. Com isso há uma nessecidade de conversão de forma de onda. Um sinal alternado deve tornar contínuo, de forma a alimentar corretamente dispositivos CC.

A fonte que será montada é composta por um tranformador , um circuito retificador de meia onda, filtro, reguladores de tensão, leds, e outros filtros após a regulação.

II. TEÓRIA, CÁLCULOS E GRÁFICOS

Para a elaboração do projeto, foi definido que a fonte DC terá saída 12V e -12V, ambas com correntes de 500mA, onde os parâmetros de entrada, que é uma onda senoidal de 127V RMS

e

60H z de frequência. Na construção da fonte

DC temos que elabora-la por partes:

Transformador

Parte do circuito com a função de reduzir a tensão a níveis apropriados aos componentes do circuito. Nesta etapa há apenas uma redução de tensão, mantendo a forma de onda do tipo senoidal. Essa transformação é dada de acordo com a relação de espiras entre a parte primária e secundária.

Foi escolhido um transformador que reduz a

tensão de 127V para 15V. Como esta é a tensão de rms, o valor de pico é calculado

conforme a seguir:

V p = V 2 * 2 = 15V *2 = 21,2V

: V p = V 2 * √ 2 = 15V * √ 2 = 21,2V

Retificador

figura 1 - transformador

Parte do circuito responsável por transformar a tensão alternada em contínua. Será utilizado o retificador de meia onda que será constituido por dois diodos (1N4001 ou

1N4007). Usamos dois diodos, um polarizado diretamente para transformar a onda em meio ciclo positivo para o regulador de 12V, e outro polarizado reversamente para transformar a onda em meio ciclo negativo para o regulador de -12V. Após isso a tensão varia de 0 a V p ;

Como é um retificador de meia onda temos :

F

= 60H z

V

p = 21,2V – 07V = 20,5V

temos : F = 60H z V p = 21,2V – 07V = 20,5V Filtro figura

Filtro

figura 2 - retificador

Logo após seguirá para um filtro capacitivo, cuja a função é eliminar variações bruscas de tensão na carga, de modo a ter uma corrente continua. Mesmo utilizando o filtro o sinal de tensão ainda apresenta algumas pequenas ondulações (ripple), tendo em vista que queremos um sinal mais continuo, coloca-se outro filtro capacitivo.

Para atenuar essas ondulações utilizamos um filtro capacitivo, cujo o valor é definido da seguinte forma:

Sendo V máx = 20,5V, e o V min = 13,5V, onde o mesmo escolhemos o valor.

=

500

( ) = (7 60 )

= 1, 19

Para valores comerciais usaremos um capacitor de 1000µF.

Para valores comerciais usaremos um capacitor de 1000µF. Regulação figura 3 -filtro Passando o filtro capacitivo,
Para valores comerciais usaremos um capacitor de 1000µF. Regulação figura 3 -filtro Passando o filtro capacitivo,

Regulação

figura 3 -filtro

Passando o filtro capacitivo, será implementado um regulador de tensão (7812 e 7912), onde o mesmo é formado por um circuito integrado (CI). Os Cis reguladores contem os circuitos de fonte de referênci, o amplificador comparador, o dispositivo de controle e a proteção contra sobrecarga, tudo dentro de um único encapsulamento. As unidades de CI podem oferecer regulação para uma tensão positiva fixa, tensão fixa negativa ou tensão ajustável.

oferecer regulação para uma tensão positiva fixa, tensão fixa negativa ou tensão ajustável. figura 4 -
oferecer regulação para uma tensão positiva fixa, tensão fixa negativa ou tensão ajustável. figura 4 -

figura 4 - regulador

Diode led

Para verificar se o circuito esta funcionando.

Utilizaremos um led azul e para que o led não queime é necessário que se limite a corrente que o atravessa à 20mA.

V = 12V ; V led = 3,1V ; I = 20mA

R led = (V-V led )/I = (12-3,1)/20mA R led = 445Ω

P

= R* I 2 = 445*20mA = 178mW

O

valor padrão de uma resistência comercial

mais próximo é de 470Ω.

A

carga

Para acharmos uma carga (resistência), onde nela seja obtido os valores de tensão e corrente (12V/500mA), será calculada:

R

= V/I = 12V/500mA = 24

P

= R*I 2 = 240*500mA = 6W

Usaremos em resitor de 20Ω, valor comercial.

III

TABELAS

Tabelas com os valores dos componentes:

Componente

Quant.

Unit.(R$

Valor(R$)

s

)

Tranformador

1

20,00

20,00

Diodo

2

0,20

0,40

Cap. Eletr.

2

0,50

1,00

Cap. Ceram.

4

0,40

1,60

Regul.(7812)

1

2,50

2,50

Regul.(7912)

1

2,50

2,50

Resistor(20Ω)

2

0,10

0,20

Resistor(470Ω)

2

0,10

0,20

Led azul

2

1,00

2,00

 

total

30,40

IV SIMULAÇÃO

A partir da execução desse projeto foi possível obeservar as diferenças entre a teoria e a simulução, já que existe uma margem de erro em cada componente, variando os resultados finais.

de erro em cada componente, variando os resultados finais. V CONCLUSÃO A fonte de tensão tem

V CONCLUSÃO

A fonte de tensão tem uma utilização

quase que de inevitável importância na grande maioria dos aparelhos eletrônicos, já que estes funcionam com componentes em tensões muito baixas, sempre contínuas, e em muitos

casos, não suportando grandes variações, que poderiam ser danosas aos circuitos envolvidos.

Na experiência pudemos perceber o passo

a passo de como acontece a redução de tensão, retificação em tensão contínua, regulação e estabilização do sinal.

Também percebemos a necessidade de realizar o dimensionamento correto dos componentes, caso contrário poderíamos utilizar algum de capacidade superior à necessária, assim encarecendo o projeto.

VI

REFERÊNCIAS

BOYLESTAD, Robert L; NASHELSKY, Louis. Dispositivos eletrônicos e teoria de circuitos, 7º Edição. São Paulo, SP.

Notas de aula

NI Multisim 11.0