Sei sulla pagina 1di 1

Uma guerra em nós

"Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito contra a carne..." Gálatas


5:17

Nesse capítulo Paulo se refere a uma guerra: egocentrismo ou cristocentrismo?


Quando eu reino prevalece a carne. Quando Cristo reina prevalece o espírito.
Paulo não escrevia a incrédulos, mas a cristãos. Portanto essa é uma luta que
os cristãos enfrentam. Graças a Deus, porém, que o caminho de vitória nos é
mostrado: "Andai no Espírito, e jamais satisfareis ao forte desejo da carne" (v.
16). Em Cristo tenho o poder de andar em vitória sobre a carne.
Muitas obras da carne resultam de pecados ocultos, não confessados, dos
quais ainda não nos libertamos. O Espírito Santo quer ajudar-nos a identificar
fardos e imundícias guardads para arrancá-los de nossa vida.
Em Mateus 7:16-20 Jesus ensina que a árvore é conhecida por seus frutos. O
que você é por dentro se manifesta nos frutos que você produz. Se você é do
Senhor não precisa ter medo de ser transparente, porque os seus frutos serão
bons como aquele que habita em você.
Os versículos 19 a 21 contêm uma lista horrível das coisas que nossa natureza
carnal pode produzir. Começa com as obras da sensualidade (prostituição,
impureza, lascívia). Tudo o que Deus criou é bom. Entretanto as inclinações
naturais do ser humano tornam-se pecaminosas quando o coração não está
centrado em Deus. A sexualidade humana, natural e desenhada por Deus para
ser alegria para o casal, torna-se em pornografia pela degeneração do coração
e da mente.
As obras seguintes se referem a pecados cometidos diretamente contra Deus.
A idolatria é colocar algo à frente de Deus. Qual é seu ídolo? Há algo que para
você é tão importante que você brigue por aquilo? A feitiçaria é a tentativa de
controlar e dominar pelos poderes místicos, seja a vida dos outros, seja o
próprio destino. Por isso a rebeldia é comparada a ela. Será que não
poderíamos falar em crentes "feiticeiros"?
As próximas obras da lista mostram como a carne deturpa os relacionamentos
humanos: inimizades, disputas, competição, iras, pelejas, divisões, heresias,
invejas, homicídios. Percebemos que a carne não se alegra na bênção que o
outro esteja desfrutando. Ela luta pelo primeiro lugar, briga, disputa, inveja e
mata, seja com palavras ou com armas de fogo. Será que sei me alegrar com a
bênção que meu irmão recebe?
As duas últimas da lista falam dos vícios que têm poder de controlar o homem:
bebedices e glutonarias. Mas o cristão não pode ser escravo de nada.
O Espírito deve prevalecer na tua vida. Ele mostra onde a carne está agindo e
transforma o carnal em espiritual. Permita ao Espírito produzir seu fruto em
você! (Gálatas 5:22-23)