Sei sulla pagina 1di 5

y (m)

y (m) Universidade Federal de Pernambuco CCEN - Departamento de F´ısica Primeiro Exerc´ıcio Escolar - F´ısica

Universidade Federal de Pernambuco

CCEN - Departamento de F´ısica Primeiro Exerc´ıcio Escolar - F´ısica Geral I (2007/1)

Data: 25/05/2007

Nome:

Turma:

CPF:

˜

Justificar TODAS as respostas; N AO ´e permitido o uso de calculadoras

Dados: g=10,0 m/s 2 ; cos(30 o ) = 0,87; sen(30 o ) = 0,50; cos(45 o ) = sen(45 o ) = 0,71; Fa¸ca 42 = 6,5

Quest˜ao 1: Um tatu de 12 kg, com uma velocidade inicial de 6,0 m/s para o leste, escorrega sobre um vasto lago congelado, no alto de uma montanha em Itatiaia - RJ, sem atrito. Em seu deslocamento, o tatu ´e empurrado pelo vento com uma for¸ca que ´e constante, em m´odulo e em sentido. A figura 1 mostra

a

posi¸c˜ao do tatu, em intervalos de 1,0 s, em seu deslocamento sobre o gelo. O sentido positivo de x ´e para

o

leste e o de y, para o norte. O primeiro contato do tatu com o gelo ocorre em t = 0,0 s. Determine:

a) (1,5) o m´odulo da for¸ca

F que o vento exerce sobre o tatu;

b) (1,5) o sentido da for¸ca que o vento exerce sobre o tatu, especificando o ˆangulo que

F forma com o

semi-eixo x > 0 (desenhe!).

Quest˜ao 2: Uma roda uniforme, de raio R = 1,0 m, gira em torno de um eixo E, horizontal, fixo,

orientado perpendicularmente ao plano da roda e passando por seu centro geom´etrico, como mostra a figura 2. A roda tem velocidade angular ω = 4,0 rad/s. Uma part´ıcula, inicialmente presa `a borda da roda, destaca-se da mesma, no ponto P , indicado na figura. O ˆangulo α ´e de 30 o . Determine:

a) (1,0) o vetor velocidade inicial da part´ıcula, utilizando a nota¸c˜ao de vetores unit´arios;

b) (1,0) a maior altura que a part´ıcula atinge, em rela¸c˜ao ao plano horizontal de referˆencia;

c) (1,0) a distˆancia horizontal percorrida pela part´ıcula at´e ela atingir o plano horizontal de referˆencia,

mostrado na figura;

d) (1,0) a velocidade da part´ıcula, em nota¸c˜ao de vetores unit´arios, imediatamente antes de ela atingir

o plano de referˆencia.

10

5

0

t
t
t
t
t
t
t
t
t
t
t
t
t
t
t

t

t
t

t

= 4,0 s

t

= 3,0 s

t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t t = 4,0 s t = 3,0 s t = 2,0 s t = 1,0
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s

t

= 2,0 s

t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s

t = 1,0 s

= 0,0 s

t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s
t = 2,0 s t = 1,0 s = 0,0 s

0

5

x (m)

Figura 1:

10

g = - g j P E plano de referência Figura 2:
g
= - g j
P
E
plano de referência
Figura 2:
g r Figura 3:
g
r
Figura 3:

Quest˜ao 3: A figura 3 mostra um carro, que se move com velocidade escalar v em uma curva de

uma pista de corrida, cujo raio de curvatura ´e r = 70 m e cujo ˆangulo de eleva¸c˜ao externa ´e θ = 45 o . O coeficiente de atrito est´atico entre a pista e os pneus do carro ´e de µ e = 0,75.

a) (1,5) Qual ´e a velocidade m´axima que o carro pode ter, tal que ele n˜ao deslize?

b) (1,0) Qual ´e a velocidade m´ınima que o carro precisa de ter, tal que ele n˜ao deslize?

c) (0,5) Que velocidade precisaria de ter o carro para que ele pudesse fazer a curva, caso o coeficiente

de atrito entre seus pneus e a pista fosse nulo?

1