Sei sulla pagina 1di 6
EundER » PREFEITURA MUNICIPAL DE GONCALVES ESTADO DE MINAS GERAIS R. Cap. Anténio Carlos, 196 ~ Centro ~ 37680-000 Telefax (35) 3654-1222 Lei n° 900 de 22 de outubro 2007 “Dispoe sobre a eriacio do Conselho Municipal de Acompanhamento Controle Social do Fundo de Manutensio e Desenvolvimento da Educasio Basica e de Valorizacio dos Profissionais da Edueac#0-Conselho do FUNDEB”. ‘A Camara Municipal de Gongaives, Estado de Minas Gerais, aprova e eu, Prefeito Municipal, sanciono e promulgo a seguinte Lei: Capitulo 1 Das Disposigbes Preliminares Art. I* Fica criado 0 Conselho Municipal de Acompanhamento ¢ Controle Social do Fundo de Manutengio ¢ Desenvolvimento da Educagiio Basica © de Valorizagaio dos Profissionais da Educagao-Conselho do FUNDEB, no ambito do Municipio de Gongalves. Capitulo II Da composigao Art. 2° O Conselho a que se refere o art. 1° € constituido por 9 (nove) membros titulares, acompanhados de scus respectivos suplentes, conforme representagio ¢ indicagdo a seguir discriminados: 1-2 (dois) representantes do Poder Executivo Municipal, dos quais pelo menos 1 (um) da Secretaria Municipal de Educago ou 6rgio educacional equivalente; 11 1 (um) representante dos professores da educagao basica piblica; II- 1 (um) representante dos direfores das escolas basicas publicas; IV - 1 (um) representante dos servidores técnico-administrativos das escolas basicas piblieas; PREFEITURA MUNICIPAL DE GONCALVES ESTADO DE MINAS GERAIS R. Cap, Anténio Carlos, 196 ~ Centro — 37680-000 Telefax (35) 3654-1222 V -2 (dois) representantes dos pais de alunos da educapio bisica piblica; ‘VI - 2 (dois) representantes dos estudantes da educapio bésica publica, um dos quais indicado pela entidade de estudantes secundaristas. § 1° Os membros de que tratam os incisos Il, II, IV, V © VI deste artigo serio indicados pelas respectivas representa;Ses, apés processo eletivo organizado para escolha dos indicados, pelos respectivos pares. § 2° A indicagio referida no art. 1°, caput, deveri ocorrer em até vinte dias antes do término do mandato dos conselheiros anteriores, para a nomeago dos conselheiros. § 3° Os conselheiros de que trata o caput deste artigo deverao guardar vinculo formal com os segmentos que representam, devendo esta condigio conslituir-se como pré- Tequisito A participago no processo eletivo previsto no § 1°. § 4° Os representantes, titular € suplente, dos diretores das escolas piblicas muni is deverao ser diretores eleitos por suas respectivas comunidades escolares. § 5° Sao impedidos de integrar 0 Conselho do FUNDEB: T-- cénjuge ¢ parentes consangilineos ou afins, até terceiro grau, do Prefeito € do Vice-Prefeito, e dos Secretérios Municipais; IL- tesoureiro, contador ou funciondrio de empresa de assessoria ou consultoria, ue prestem servigos relacionados 4 administragio ou controle interno dos recursos do Fundo, bem como cOnjuges, parentes consangilineos ou afins, até terceiro grau, desses profissionais; III- estudantes que no sejam emancipados; ¢ IV- pais de alunos que: a) exergam cargos ou fangs piiblicas de livre nomeagio ¢ exonerago no ambito do Poder Executive Municip: ou b) prestem servigos terceirizados ao Poder Executivo Municipal. Art, 3° O suplente substituiré o titular do Conselho do FUNDEB nos casos de afastamentos tempordrios ou eventuais deste, e assumiré sua vaga nas hipéteses de afastamento definitivo, decorrente de: 1—-desligamento por motivos particulares; I—rompimento do vinculo de que trata o § 3°, do art. 2°; ON PREFEITURA MUNICIPAL DE GONCALVES ESTADO DE MINAS GERAIS . Cap. Anténio Carlos, 196 ~ Centro ~37680-000 Telefax (25) 3654-1222 TIl~ situacdo de impediment previsto no § 6°, incorrida pelo titular no decomrer de seu mandato. § 1° Na hipotese em que o suplente incorrer na situagdo de afastamento definitivo eserita no art. 3°, 0 estabelecimento ou segmento responsével pela indicagdo deveré indicar novo suplente. § 2° Na hipétese em que o titular © 0 suplente incorram simultaneamente na Sttuagdo de afastamento definitive descrita no art. 3, a insttuigdo ou segmento responsivel pela indicagao deveré indicar novo titular ¢ novo suplente para o Consetho do FUNDED, Art. 4° O mandato dos membros do ‘Conselho seré de 2 (dois) anos, permitida uma tinica reconducdo para o mandato eubseqiiente por apenas uma ver. Capitulo 11 Das Competéncias do Conselho do FUNDEB Art. 5° Compete ao Conselho do FUNDEB : 1—acompanhar ¢ controlar a reparticdo, transferéncia e aplicagio dos recursos do Fundo; TI supervisionar a realizago do Conso Escolar © a elaboragao da proposta ‘rsamentéria anual do Poder Executivo Municipal, com o objetivo de concorrer para o regular ¢ ‘empestivo tratamento ¢ encaminhamento dos dados estatistices e financeiros que alicergam a operacionalizagio do FUNDEB; TI — examinar os registros comtébeis e demonstrativos gerenciais mensais ¢ ‘atualizados relatives aos recursos repassados ou retidos & conta do Fundo; TV ~ emitir parecer sobre as prestapSes de contas dos recursos do Fundo, que deverio ser disponibilizadas mensalmente pelo Poder Executive Municipal; ¢ 'V~outras atribuigdes que legislagdo especifica eventualmente estabelega; Parigrafo Unico. © parecer de que trata o inciso IV deste artigo deveri ser apresentado a0 Poder Executivo Municipal em até trinta dias antes do venci Capitulo rv